IRPAA - Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada

Viver no sertão é conviver com o Clima

Formulário de Busca

Siga-nos:



Jovens

22.08.2016

Envie por e-mail

Gau facilita espaço de construção de saberes

O Grupo de Agroecologia do Umbuzeiro, o Gau, formado por estudantes de Engenharia Agronômica da Universidade do Estado da Bahia, Uneb campus III, realizou na manhã deste domingo, 21, uma formação sobre Agroecologia no Centro de Formação D. José Rodrigues, a 15 km de Juazeiro. O objetivo do encontro foi construir uma análise mais crítica do Agronegócio e da Agricultura familiar, junto aos estudantes da república do Centro de Formação que já trabalham de forma sustentável.

No início da formação, os/as participantes cantaram e fizeram uma reflexão a partir de um texto, e apresentaram as concepções já existentes de cada um sobre a agricultura familiar. Após a mística, Mateus Bagano, membro do Gau, explicou o surgimento da agricultura, e de como ela foi transformada em algo nocivo, ressaltando também a luta dos movimentos sociais pela reforma agrária.

No segundo momento, o estudante da republica e também membro do Gau, Davy Valente, exibiu o documentário “Terra e Transformação” que conta um pouco do cotidiano e lutas do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra, MST, e promoveu posteriormente um debate que levou em consideração a vivencia de cada participante.

Para Tatiane Barbosa, estudante de agroecologia e residente da republica, trabalhar a relação que cada um tem com a agricultura familiar ou a monocultura foi importante para que o diálogo fosse mais dinâmico. “Para mim foi produtivo e de grande importância, pois nos capacitando podemos ver os dois lados da moeda. A forma de construção do debate permitiu a troca de saberes e dai ficou a indagação para buscar mais. Foi muito gratificante”, afirmou.

Durante o encontro, integrantes do Gau ressaltaram a importância da Reforma Agraria no país, por ser essencial para a quebra dos latifúndios e assim dar espaço a agricultura familiar sustentável. O que significaria, segundo eles, alimentos saudáveis com preços acessíveis, cumprindo a promessa que a cultura dos transgênicos não foi capaz de realizar: a de saciar a fome do mundo, só que agora de forma agroecológica.

Texto: Wine Santos & Ana Paula Martins

Foto: Edison

Edição: Comunicação Irpaa

 

 

< voltar    < principal    < mais notícias

Página:

Gau facilita espaço de construção de saberes

Para:


Suas informações:



(500 caracteres no máximo) * Preenchimento obrigatório




Campanhas

Newsletters

Cadastre seu e-mail para receber notícias.

Formulário de Contato





Faça sua doação


Copyright © 2005 - 2009 IRPAA.ORG Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada - IRPAA
Avenida das Nações nº 04 - 48905-531 Juazeiro - Bahia, Brasil
Tel.: 0055-74-3611-6481 - Fax.: 0055-74-3611-5385 - E-mail: irpaa@irpaa.org - CNPJ 63.094.346/0001-16
Utilidade Pública Federal, Portaria 1531/06 - DOU 15/09/2006 Utilidade Pública Estadual, Lei nº7429/99
Utilidade Pública Municipal, Lei nº 1,383/94 Registro no CNAS nº R040/2005 - DOU 22/03/2005