IRPAA - Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada

Viver no sertão é conviver com o Clima

Formulário de Busca

Siga-nos:



Notícias

Em Pilão Arcado, comunidade de Carnaúba celebra a união na Feira da Agricultura Familiar

Em Pilão Arcado, comunidade de Carnaúba celebra a união na Feira da Agricultura Familiar

Com as bênçãos e esperanças trazidas com a chuva, a comunidade de Carnaúba, interior de Pilão Arcado, realizou nesse último domingo (16) a I Feira da Agricultura Familiar e práticas viáveis para Convivência com o Semiárido, demonstrando os diversos saberes e sabores presentes nas comunidades sertanejas e potencialidades da agricultura familiar.

Artesanato, remédios naturais, culinária típica da região, mel e demais produtos oriundos das comunidades de Pilão Arcado e de Remanso estavam expostas no evento. Os/as 17 expositores/as puderam divulgar e comercializar seus produtos, além de trocar conhecimentos. “Essa interação que é importante, o rapaz que trás o buriti, o artesanato... talvez no primeiro momento a gente visa a interação, tem muitas coisas boas nas comunidades e é a interação que faz o crescimento de todas”, pontua o expositor Ronaldo Carvalho, da Associação Desportiva de Veredas da Onça, que trabalha com o esporte e produção de artesanato esculpido na madeira.

Carlos Pereira do Nascimento, presidente da Associação Comunitária Produtores da Carnaúba, diz com convicção que a realização da Feira só foi possível graças à criação da associação, a união foi a principal responsável pelo sucesso do evento segundo ele. “A gente começou a associação pra em nome dela ter uma representatividade da comunidade, pois através da coletividade foi aonde à gente conseguiu aparecer”, complementa Carlos.

Laelson de Mattos, colaborador do Irpaa que assessora a comunidade de Carnaúba, destaca que a ideia de realizar a Feira partiu dos moradores e que em todo o processo da organização, a comunidade esteve empenhada na concretização da Feira. Além da exposição dos produtos da agricultura familiar e palestras, o evento contou com a apresentação de roda de São Gonçalo dançada por crianças, ações que mantém viva a cultura local e tradição de compartilhar conhecimentos de geração a geração.


Parcerias


As palestras contaram com a participação de representante do Sasop – Serviço de Assessoria a Organizações Populares, que apresentou a atuação da entidade na região, especialmente o trabalho realizado com as Mulheres, através da Rede Mulher, organização que atua nos municípios de Pilão Arcado, Remanso, Campo Alegre de Lourdes, Sento Sé e Casa Nova.

Tiago Pereira, Coordenador Institucional do Irpaa, foi um dos palestrantes, iniciando com uma breve apresentação do Irpaa e sua atuação em Pilão Arcado, bem como as formas de organização da produção. Durantesua fala pontuou que é preciso “despertar para a organização da produção, como forma de garantir a nossa permanência nas comunidades”. A Coopercuc foi uma das experiências exitosas apresentadas, salientado que da mesma forma que o beneficiamento do umbu deu certo na região de Curaçá, Uauá e Canudos, o buriti presente nos Brejos de Pilão Arcado também pode ser aproveitado.

O sucesso do evento pode ser constatado no sorriso de cada mulher e homem presente, principalmente nos/as moradores/as de Carnaúba que de forma coletiva e em conjunto com o Irpaa construíram um momento de celebração das riquezas presentes no Semiárido.

Texto e foto: Comunicação IRPAA


Veja também

< voltar    < principal    < outras notícias

Página:

Em Pilão Arcado, comunidade de Carnaúba celebra a união na Feira da Agricultura Familiar

Para:


Suas informações:



(500 caracteres no máximo) * Preenchimento obrigatório




Campanhas

Newsletters

Cadastre seu e-mail para receber notícias.

Formulário de Contato





Faça sua doação


Copyright © 2005 - 2009 IRPAA.ORG Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada - IRPAA
Avenida das Nações nº 04 - 48905-531 Juazeiro - Bahia, Brasil
Tel.: 0055-74-3611-6481 - Fax.: 0055-74-3611-5385 - E-mail: irpaa@irpaa.org - CNPJ 63.094.346/0001-16
Utilidade Pública Federal, Portaria 1531/06 - DOU 15/09/2006 Utilidade Pública Estadual, Lei nº7429/99
Utilidade Pública Municipal, Lei nº 1,383/94 Registro no CNAS nº R040/2005 - DOU 22/03/2005