IRPAA - Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada

Viver no sertão é conviver com o Clima

Formulário de Busca

Siga-nos:



Notícias

Associação Comunitária e Agropastoril de Cipó demonstra a viabilidade da caprinocultura na região semiárida

Associação Comunitária e Agropastoril de Cipó demonstra a viabilidade da caprinocultura na região semiárida

Coletividade, conhecimento, organização comunitária, luta social e ousadia são algumas das qualidades das famílias da fazenda Cipó, no distrito de Massaroca, em Juazeiro, Bahia. Reunidas na Associação Comunitária e Agropastoril de Cipó, as famílias vêm construindo seu futuro a partir da união, o acesso à água e tecnologias sociais, com base na ideia de que é preciso conhecer o potencial da região semiárida para poder conviver com as suas particularidades.

A partir dessa compreensão, a comunidade consegue se destacar pela qualidade na caprinocultura em área de sequeiro. A produção de animais é coletiva e individual, da mesma forma a produção de ração é garantida. Com as áreas de Fundo de Pasto e o cultivo de pastagens nativas, os/as criadores/as têm qualificado seus rebanhos e demonstrado, principalmente em Feiras específicas, o potencial das criações. No distrito de Massaroca, na Feira tradicional de caprinos e ovinos, além da comercialização garantida dos animais vivos, eles/elas se destacam no concurso leiteiro. “A caprinocultura tem sido fundamental, é uma questão de sobrevivência. Tem a carne, o queijo, o leite”, diz o presidente da Associação, José Lindomar Nunes Pereira.

Não existe segredo para estes resultados. Os/as criadores/as vêm investindo no cultivo e produção de forragens nativas e no armazenamento destes alimentos para o período de longa estiagem. Estas ações têm sido aperfeiçoadas com a chegada de tecnologias sociais que fortalecem as práticas de convivência, somadas ao retorno de uma tradição local, os mutirões. A casa de ração é uma destas tecnologias, com maquinário, calçadão para secar a forragem, galpão para armazenar e conhecimentos sobre potencial nutritivo e energético de plantas nativas.

“Assim a gente vai garantindo a ração ... a gente trabalhando desta forma, com os recursos que vem através da Associação, facilita o manejo, o nosso trabalho... diferente do que era antes. Depois da associação, hoje está mais fácil”, afirma o criador Carlos Nunes Pereira. Hoje ele tem de 14 a 15 toneladas de ração armazenadas em silos e fenos, o que alimentaria os animais durante cinco meses. “Depois que a gente tem uma alimentação dessa, a gente vem melhorando o rebanho e a certeza que a gente consegue alimentar os animais”, conclui.

Outras tecnologias que tem contribuído com essa qualidade na vida destas pessoas são as de acesso e armazenamento de água, como as cisternas de placas, onde são estocadas água de chuva pra o consumo e para a produção. O poço é outra fonte de água que garante o cultivo de plantas forrageiras, principalmente, no período de estiagem. Assim, fica evidente a necessidade da complementaridade das fontes de água nas comunidades do Semiárido.

Estas práticas vêm sendo fortalecidas com a Assessoria da Articulação do Semiárido Brasileiro (Asa) através do Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada (Irpaa), além das atitudes das/dos agricultores e agricultoras em buscarem qualificar suas produções, entre outras ações. Vale destacar, que muitos destes avanços só têm sido viabilizadas por conta de uma tradição local que renasceu, os mutirões comunitários.

Texto e foto: Comunicação Irpaa
 


Veja também

< voltar    < principal    < outras notícias

Página:

Associação Comunitária e Agropastoril de Cipó demonstra a viabilidade da caprinocultura na região semiárida

Para:


Suas informações:



(500 caracteres no máximo) * Preenchimento obrigatório




Campanhas

Newsletters

Cadastre seu e-mail para receber notícias.

Formulário de Contato





Faça sua doação


Copyright © 2005 - 2009 IRPAA.ORG Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada - IRPAA
Avenida das Nações nº 04 - 48905-531 Juazeiro - Bahia, Brasil
Tel.: 0055-74-3611-6481 - Fax.: 0055-74-3611-5385 - E-mail: irpaa@irpaa.org - CNPJ 63.094.346/0001-16
Utilidade Pública Federal, Portaria 1531/06 - DOU 15/09/2006 Utilidade Pública Estadual, Lei nº7429/99
Utilidade Pública Municipal, Lei nº 1,383/94 Registro no CNAS nº R040/2005 - DOU 22/03/2005