IRPAA - Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada

Viver no sertão é conviver com o Clima

Formulário de Busca

Siga-nos:



Notícias

Empreendimentos da Agricultura Familiar poderão vender produtos direto para escolas estaduais

Empreendimentos da Agricultura Familiar poderão vender produtos direto para escolas estaduais

Cerca de 20 empreendimentos de municípios do Território Sertão do São Francisco participaram de uma reunião na tarde desta quinta-feira (16) com representantes da Secretaria de Educação da Bahia para conhecer uma nova forma de fornecer produtos da Agricultura Familiar para escolas da rede estadual.

Frutas, polpas, sucos, doces, sequilhos, legumes, hortaliças, derivados do peixe, carnes, entre outros produtos, poderão ser entregues diretamente nas escolas pelos empreendimentos ou agricultores/as individuais credenciados na Secretaria de Educação da Bahia. Para se credenciar é preciso entregar documentação na referida secretaria e após habilitados os empreendimentos ficam aptos a fornecerem os produtos conforme a demanda apresentada pelas escolas à Secretaria de Educação, através da Superintendência de Organização da Rede Escolar e da Coordenação de Alimentação Escolar.

Segundo a coordenadora de Alimentação Escolar no estado, Amanda Andrade, o objetivo é “fortalecer essa comercialização de produtos da agricultura familiar no Território, fazendo um elo com o Programa de Alimentação Escolar”. Na reunião, que aconteceu na sede do Irpaa, em Juazeiro, as/os participantes conheceram o funcionamento do Programa e o procedimento necessário para se credenciar.

Integrante da Associação de Apicultores/as de Sento Sé (Aapssé), Jaciara Ladislau, avalia que esta oportunidade “só vem a acrescentar mais uma forma de comercialização dos empreendimentos da Rede Sabor Natural do Sertão e melhorar a renda dos agricultores familiares do Território Sertão do São Francisco”. Jaciara fala ainda da importância de divulgar para outros grupos a importância de fazer o credenciamento.

Esta iniciativa faz parte do Programa Nacional de Alimentação Escolar – PNAE e facilita o acesso dos/das agricultores/as familiares a esta modalidade de comercialização, uma vez que “o sistema de credenciamento não tem concorrência, todas as pessoas inscritas tem a oportunidade de comercializar. Todas as associações, cooperativas, que estão credenciadas, são convocadas para fornecer”, destaca Amanda. O valor pago pelo governo às entidades e pessoas credenciadas já inclui a taxa de entrega dos produtos, os quais são indicados no credenciamento e entregues para as escolas nos municípios também apontadas pelos fornecedores.

Maria Aparecida Mendes (Cida Pescadora), representante de associação de pescadoras de Sobradinho, relata que o grupo já tem a experiência de fornecer alimentos derivados do peixe para escolas da rede municipal, mas agora há a possibilidade de entregar para a rede estadual, o que só aumenta as expectativas das empreendedoras.


Texto e Foto: Comunicação Irpaa
 


Veja também

< voltar    < principal    < outras notícias

Página:

Empreendimentos da Agricultura Familiar poderão vender produtos direto para escolas estaduais

Para:


Suas informações:



(500 caracteres no máximo) * Preenchimento obrigatório




Campanhas

Newsletters

Cadastre seu e-mail para receber notícias.

Formulário de Contato





Faça sua doação


Copyright © 2005 - 2009 IRPAA.ORG Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada - IRPAA
Avenida das Nações nº 04 - 48905-531 Juazeiro - Bahia, Brasil
Tel.: 0055-74-3611-6481 - Fax.: 0055-74-3611-5385 - E-mail: irpaa@irpaa.org - CNPJ 63.094.346/0001-16
Utilidade Pública Federal, Portaria 1531/06 - DOU 15/09/2006 Utilidade Pública Estadual, Lei nº7429/99
Utilidade Pública Municipal, Lei nº 1,383/94 Registro no CNAS nº R040/2005 - DOU 22/03/2005