IRPAA - Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada

Viver no sertão é conviver com o Clima

Formulário de Busca

Siga-nos:



Notícias

Projeto Pró-Semiárido realiza formação sobre gênero com assessores técnicos de campo

Projeto Pró-Semiárido realiza formação sobre gênero com assessores técnicos de campo

Um tema que vêm sendo pautado nas ações do Projeto Pró-Semiárido é o debate de gênero, e para subsidiar a equipe do projeto a trabalhar as relações de gênero junto às comunidades rurais do Território Sertão São Francisco, aconteceu formação de gênero, entre os dias 09 e 10 desse mês, no auditório do Serviço Territorial de Apoio à Agricultura Familiar – Setaf, em Juazeiro. No primeiro dia, o encontro reuniu a equipe técnica do Irpaa, Sasop e CAR, já no segundo dia a formação foi voltada para os/as integrantes da CAR.

Durante a formação foi exposto que a questão de gênero está relacionada como a sociedade cria os diferentes papéis sociais e comportamentos relacionados aos homens e mulheres, nesta perspectiva criando atividades ditas do universo feminino ou masculino, o que cria uma desigualdade de gênero, onde a mulher é considerada como um ser inferior, frágil em relação ao homem.

Para compreender esse processo de desigualdade foram apresentados alguns conceitos que ajudam a entender a realidade da condição social das mulheres, a exemplo do sistema de patriarcado, divisão de trabalho, machismo, hierarquizações entre outros. A discussão também aconteceu na perspectiva de relacionar as desigualdades de gênero com a desigualdade social, preconceito racial, étnico e geração. Uma realidade que vem sendo observada pela equipe de campo do projeto, onde pontuaram situações concretas de desigualdades de gênero no campo.

De acordo com Elizabeth Siqueira, assessora de gênero do Pró-Semiárido e facilitadora da formação, todo esse debate vai contribuir para que a equipe técnica reflita e identifique como essa relação de gênero aparece no contexto do campo no Semiárido. Ela explica ainda que durante o projeto realizarão atividades para que “ajudem essas pessoas da comunidade a pensarem sobre suas vidas e sonhar, sonhar mudanças, sair desse lugar de opressão, de medo, de subordinação e construir pra vida dessas pessoas o que o estado tem por obrigação, dar oportunidade de direito, que infelizmente ainda não são iguais”, conclui.

Por meio de vídeo, debate, trabalhos em grupos, a equipe dialogou sobre as\"\" desigualdades de gêneros presentes nas divisões de trabalho, seja no âmbito público ou privado, mostrando que a desigualdade entre homens e mulheres começa no ambiente familiar, onde as atividades domésticas e cuidados com filhos são quase que exclusivo das mulheres, enquanto ao homem está à função de liderar a família tido como a autoridade familiar.

“Certas caraterísticas [feminino e masculino] são construídas e essas construções podem sim ser alteradas, a partir de nós mesmo”, pontua Elizabeth, afirmando ainda que um dos caminhos de transformar essa realidade é o trabalho de inclusão produtiva das mulheres, principalmente envolvendo a juventude, que também está à margem desse processo.

Jussara Oliveira, assessora de políticas públicas do projeto Pró-Semiárido, destaca que cada vez mais é “preciso dar visibilidade as mulheres que estão no campo, que exerce atividades produtivas, que junto com suas famílias compõem toda a força do campo... o projeto deve trabalhar de uma forma transversal a questão de gênero, então começa desde a chegada na comunidade, buscando trazer essa mulher para a participação nas atividades até desenvolvimento das políticas públicas naquele local com a participação das mulheres ”, argumenta Jussara.

A proposta do Pró-Semiárido, projeto da Secretária de Desenvolvimento Rural- SDR, por meio da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), é envolver cada vez mais colaboradoras/es neste debate, entendendo esta como uma pauta necessária e que está diretamente ligada ao trabalho de desenvolvimento rural e da Convivência com o Semiárido.

Texto e foto: Comunicação Irpaa
 

 


Veja também

< voltar    < principal    < outras notícias

Página:

Projeto Pró-Semiárido realiza formação sobre gênero com assessores técnicos de campo

Para:


Suas informações:



(500 caracteres no máximo) * Preenchimento obrigatório




Campanhas

Newsletters

Cadastre seu e-mail para receber notícias.

Formulário de Contato





Faça sua doação


Copyright © 2005 - 2009 IRPAA.ORG Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada - IRPAA
Avenida das Nações nº 04 - 48905-531 Juazeiro - Bahia, Brasil
Tel.: 0055-74-3611-6481 - Fax.: 0055-74-3611-5385 - E-mail: irpaa@irpaa.org - CNPJ 63.094.346/0001-16
Utilidade Pública Federal, Portaria 1531/06 - DOU 15/09/2006 Utilidade Pública Estadual, Lei nº7429/99
Utilidade Pública Municipal, Lei nº 1,383/94 Registro no CNAS nº R040/2005 - DOU 22/03/2005