IRPAA - Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada

Viver no sertão é conviver com o Clima

Formulário de Busca

Siga-nos:

Notícias

“NOSSA HISTÓRIA”

“NOSSA HISTÓRIA”

 

José Moacir dos Santos, técnico agrícola, sócio-fundador do IRPAA, esteve na Coordenação Geral da entidade nos últimos nove anos. Em entrevista à equipe de comunicação, ele destaca pontos importantes sobre o Instituto, como a participação mais sólida nas discussões de políticas públicas e os desafios para o futuro. Após anos colaborando na coordenação, Moacir retorna a equipe técnica atuando como responsável pelo projeto de Recaatingamento em Comunidades Agropastoris e Extrativistas. Atualmente, quem responde pelo cargo de coordenador Geral é Ademilson da Rocha, técnico em agropecuária e pedagogo, que anteriormente ocupava a Coordenação Institucional.

 

-Sobre as mudanças na conjuntura interna, Moacir relata:

 

“Há 20 anos o IRPAA possuía uma equipe pequena e tinha como financiador as entidades internacionais de cooperação, como a Misereor e Cáritas, ligadas à igreja e movimentos ambientais. O gestor, também coordenador, era Haroldo, existia uma equipe de campo e uma pessoa responsável pelo escritório. Depois a equipe foi aumentando, até que a instituição se estruturou por setores: criação de animais, agricultura, clima, água e educação. O setor de comunicação surge nesse momento, com destaque para os programas de rádio” (...)

 

“Começamos a caminhar pelo campo para divulgar o conceito de Convivência com o Semiárido. Após dez anos podíamos falar que alcançamos nosso objetivo: não mais se falava em combate à seca, mas em conviver com o clima, tendo qualidade de vida!”(...)

 

-Como se estrutura a Organização não governamental (ONG)?

 

A política institucional do IRPAA se baseia em Coordenações que dividem as responsabilidades: administrativa, institucional e geral. Cada membro permanece de três a nove anos no cargo. A diretoria da ONG homologa o resultado através de assembleia.

 

-Quais as mudanças na organização e filosofia da instituição?

 

Com a nova perspectiva da Coordenação Colegiada, passamos a receber financiamento de órgãos governamentais, mas sempre tendo em vista a proposta de Convivência, evitando conflitos na filosofia da instituição. Isso garantiu credibilidade tanto para os financiadores, quanto para os agricultores familiares. Não somos vinculados a nenhum partido... E hoje somos reconhecidos como uma ONG conceituada.

 

-Quais as principais conquistas do IRPAA?

 

Algumas conquistas da instituição referem-se à participação mais sólida nas discussões de políticas públicas, instigando a autonomia dos grupos e fortalecendo a luta pela educação contextualizada, hoje lei. Temas como importância da captação e do armazenamento de água da chuva, beneficiamento de produtos também são considerados avanços, já que hoje se verifica a ação mais concreta das comunidades nesses campos.

 

-E quanto aos desafios, quais são as perspectivas diante de 20 anos de existência?

 

Os principais desafios são a política de regularização fundiária, que esperamos avançar no governo atual; a preservação das áreas de caatinga e das comunidades tradicionais, contra a chegada das mineradoras no semiárido baiano; animação das famílias para participar ativamente das discussões e incentivo às políticas públicas.

 

Tudo isso vem sendo conquistado através da assessoria dos movimentos sociais de maneira diferenciada, compreendendo o meio rural como um espaço no qual estão presentes todos os elementos para o bem-estar social.

 


Veja também

< voltar    < principal    < outras notícias

Página:

“NOSSA HISTÓRIA”

Para:


Suas informações:



(500 caracteres no máximo) * Preenchimento obrigatório


Campanhas

Newsletters

Cadastre seu e-mail para receber notícias.

Formulário de Contato





Faça sua doação


Copyright © 2005 - 2009 IRPAA.ORG Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada - IRPAA
Avenida das Nações nº 04 - 48905-531 Juazeiro - Bahia, Brasil
Tel.: 0055-74-3611-6481 - Fax.: 0055-74-3611-5385 - E-mail: irpaa@irpaa.org - CNPJ 63.094.346/0001-16
Utilidade Pública Federal, Portaria 1531/06 - DOU 15/09/2006 Utilidade Pública Estadual, Lei nº7429/99
Utilidade Pública Municipal, Lei nº 1,383/94 Registro no CNAS nº R040/2005 - DOU 22/03/2005