IRPAA - Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada

Viver no sertão é conviver com o Clima

Formulário de Busca

Siga-nos:



Notícias

Irpaa media troca de experiência entre as regiões semiáridas do Brasil e Senegal

Irpaa media troca de experiência entre as regiões semiáridas do Brasil e Senegal

O agrônomo Ndiaga Sall, da organização não governamental ENDA (Meio Ambiente e Desenvolvimento no Terceiro Mundo), de Dakar, Senegal, África, visitou vários lugares do Semiárido entre 17 e 21 de agosto de 2012. Ndiaga teve um primeiro contato com o Irpaa numa conferência internacional sobre desenvolvimento rural sustentável da Rede de Conhecimento da organização Horizont3000, em Viena, Áustria, em 2011, onde surgiu a idéia de conhecer a Convivência com o Semiárido Brasileiro. Na sua visita, ele participou primeiro do 8º Simpósio de Captação e Manejo de Água de Chuva, em Campina Grande, PB. “Para mim valeu muito conhecer as experiências dos pequenos produtores, especialmente como conseguem lidar de maneira positiva com a seca grande deste ano. Da mesma forma, a experiência de um especialista de água de chuva da Organização Mundial de Saúde que trabalha em Uganda e falou sobre a qualidade da água potável foi de grande interesse para mim”, disse Ndiaga.

No caminho para Juazeiro, no norte da Bahia, chamou atenção sobre o uso da palma no Semiárido como alimento para os animais. “Na minha terra usa-se os frutos da palma para a alimentação humana”. Em Juazeiro conversou com a equipe do Irpaa e conheceu as publicações pedagógicas adaptadas à realidade do clima e do povo. Na Vargem da Cruz teve contato com as/os estudantes da República do Irpaa que lhe mostraram os diferentes tipos de cisternas, a horta orgânica e a criação de cabras, alimentadas somente com forragem da propriedade, sem comprar nada de fora. Em Uauá visitou a comunidade de Ouricuri, a feira de cabras (Ndiaga é também criador de cabras) e conheceu a fábrica de processamento de frutas da Caatinga, a Coopercuc. Uma visita na Embrapa Semiárido e contatos com um raizeiro que vende plantas medicinais da caatinga encerraram a visita.

“A grande lição que se pode tirar deste trabalho é, sem dúvida, que é possível desenvolver iniciativas para reduzir a vulnerabilidade de nossas práticas agrícolas na seca e assim contribuir para melhorar a qualidade de vida do povo nas áreas rurais. Nos foi dada a oportunidade de entender o potencial de água de chuva para consumo humano e animal e na produção de alimentos. Para nós no Senegal vejo que o fortalecimento dos agricultores para dominar as técnicas e para se organizar é essencial, se quisermos melhorar as condições de vida das famílias rurais”.

Também para o Irpaa, a troca de experiência com um país como Senegal é bastante interessante, reconhece um dosmembros da equipe que esteve acompanhando o senegalês, João Gnadingler.

Na avaliação da visita ao Brasil, Ndiaga apontou:

- Seria interessante desenvolver experiências entre agricultores sobre a captação, armazenamento e utilização de água da chuva para a produção agrícola em duas ou três áreas rurais no Senegal que em grande parte também tem um clima semiárido.
- Outra experiência pode envolver o uso de palma forrageira em estabelecimentos rurais para a segurança alimentar de animais de pequeno porte.
- O Empreendedorismo Rural a exemplo da Coopercuc é hoje um passo necessário para o desenvolvimento sustentável de comunidades rurais e deve se tornar um foco no programa do ENDA de Senegal.
- Devemos manter e reforçar os laços com o Nordeste do Brasil, especialmente com o Irpaa, que desenvolve iniciativas interessantes para a convivência com as chuvas irregulares e para mitigação dos efeitos das mudanças climáticas em geral.

Clique aqui e baixe o Relatório da visita de Ndiaga Sall ao Brasil


Veja também

< voltar    < principal    < outras notícias

Página:

Irpaa media troca de experiência entre as regiões semiáridas do Brasil e Senegal

Para:


Suas informações:



(500 caracteres no máximo) * Preenchimento obrigatório




Campanhas

Newsletters

Cadastre seu e-mail para receber notícias.

Formulário de Contato





Faça sua doação


Copyright © 2005 - 2009 IRPAA.ORG Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada - IRPAA
Avenida das Nações nº 04 - 48905-531 Juazeiro - Bahia, Brasil
Tel.: 0055-74-3611-6481 - Fax.: 0055-74-3611-5385 - E-mail: irpaa@irpaa.org - CNPJ 63.094.346/0001-16
Utilidade Pública Federal, Portaria 1531/06 - DOU 15/09/2006 Utilidade Pública Estadual, Lei nº7429/99
Utilidade Pública Municipal, Lei nº 1,383/94 Registro no CNAS nº R040/2005 - DOU 22/03/2005