IRPAA - Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada

Viver no sertão é conviver com o Clima

Formulário de Busca

Siga-nos:



Notícias

Ministério Público Federal cobra Projetos para liberação da Ilha do Fogo

Ministério Público Federal cobra Projetos para liberação da Ilha do Fogo

Ao tomar conhecimento que o Ministério Público Federal, através da Procuradoria da República Polo Petrolina/Juazeiro, estipulou prazo máximo de 10 (dez) dias para receber resposta se já foi enviado projeto à Secretaria de Patrimônio da União – SPU, para viabilização de infra estrutura para o funcionamento da Ilha do Fogo, com acesso da população de Juazeiro e Petrolina, o Comitê Popular de Defesa da Ilha do Fogo e do Rio São Francisco reuniu no último dia 30 de janeiro na Pro Reitoria de Extensão, da UNIVASF, em Petrolina, diversas instituições para mais uma vez elaborarem documento, desta vez dirigido aquele Ministério Público, dizendo o que caberia a cada uma, em relação à Ilha do Fogo, no caso da liberação da mesma para o público das duas cidades.

O que na verdade o Ministério Público Federal queria saber era se já se existiam projetos viáveis para funcionamento da Ilha do Fogo em caso de liberação do acesso da população. Sendo assim, o Comitê Popular de Defesa da Ilha do Fogo e do Rio São Francisco entrou em contato com a UNIVASF, IF-Sertão, Articulação São Francisco Vivo, Prefeitura Municipal de Petrolina, Prefeitura Municipal de Juazeiro e os reuniu com o Coletivo Amigos da Ilha e com a Secretaria de Turismo de Petrolina, que foi a entidade responsável para responder ao Ministério Público Federal.

Como resultado da reunião, foi elaborado o documento solicitado pelo Ministério Público Federal e também foi criado um Grupo de Trabalho (GT) com as instituições presentes para darem celeridade aos projetos já em andamento, como é o caso do “Museu do Ribeirinho”, projeto pertencente à UNIVASF assim como o projeto que a sociedade sanfranciscana vislumbra tanto, que é a instalação de um “memorial”, que servirá para abrigar o patrimônio que contará a história da navegação no Rio São Francisco, que poderá funcionar no antigo galpão, na Ilha do Fogo, da extinta FRANAVE – Companhia de Navegação do São Francisco. Além desses possíveis projetos serão avaliados diversos outros como o Parque da Serpente da Ilha do Fogo e os projetos do IF-Sertão, também para aquela Ilha.

O GT continuará se reunindo para dar andamento aos projetos e as prefeituras de Petrolina e Juazeiro continuarão integrando o Grupo para darem garantias de funcionamento à Ilha do Fogo, com urbanização, coleta de lixo, segurança (no tocantes às Guardas Municipais), iluminação pública, além da inserção da Ilha em eventos turísticos e culturais. Representaram as prefeituras de Petrolina e Juazeiro, os secretários Iuric Pires e Carmiária, respectivamente. “Caso a criação da Guarda Turística de Petrolina, que está em análise pelo prefeito Julio Lossio, seja aprovada, e que é um projeto da nossa secretaria, essa já será uma garantia: a presença de uma dupla de guardas turísticos na Ilha do Fogo”, informou o Secretário de Turismo de Petrolina, Iuric Pires Martins.


Texto: Jucinei Martins (AsCom - Comitê de Defesa da Ilha do Fogo e do Rio São Francisco)

Foto: Divulgação


Veja também

< voltar    < principal    < outras notícias

Página:

Ministério Público Federal cobra Projetos para liberação da Ilha do Fogo

Para:


Suas informações:



(500 caracteres no máximo) * Preenchimento obrigatório




Campanhas

Newsletters

Cadastre seu e-mail para receber notícias.

Formulário de Contato





Faça sua doação


Copyright © 2005 - 2009 IRPAA.ORG Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada - IRPAA
Avenida das Nações nº 04 - 48905-531 Juazeiro - Bahia, Brasil
Tel.: 0055-74-3611-6481 - Fax.: 0055-74-3611-5385 - E-mail: irpaa@irpaa.org - CNPJ 63.094.346/0001-16
Utilidade Pública Federal, Portaria 1531/06 - DOU 15/09/2006 Utilidade Pública Estadual, Lei nº7429/99
Utilidade Pública Municipal, Lei nº 1,383/94 Registro no CNAS nº R040/2005 - DOU 22/03/2005