IRPAA - Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada

Viver no sertão é conviver com o Clima

Formulário de Busca

Siga-nos:



Notícias

Oficina avalia projeto em andamento com agricultores dos nove estados do Semiárido

Oficina avalia projeto em andamento com agricultores dos nove estados do Semiárido

Pesquisadores do Insa que desenvolvem a pesquisa nos territórios se reúnem em Campina Grade (PB) para avaliar a pesquisa de campo realizada e planejar novas ações.

No período de 11 a 14 de fevereiro, será realizada, em Campina Grande (PB), a 2ª Oficina de Trabalho com os pesquisadores envolvidos na execução do projeto de pesquisa participativa com agricultores familiares dos nove estados do Semiárido brasileiro. O projeto trianual é desenvolvido pelo Instituto Nacional do Semiárido (Insa/MCTI), em parceria com a Articulação do Semiárido Brasileiro (ASA Brasil).

O objetivo desta Oficina de Trabalho será restituir as atividades planejadas e executadas nos territórios durante o primeiro ano da pesquisa, discutir o processo metodológico de sensibilização e caracterização qualitativa dos agroecossistemas e planejar as próximas ações.

Em cada estado do Semiárido brasileiro o projeto envolve a participação direta de 100 agricultores experimentadores, entidades e parceiros locais e é constituído por várias etapas, dentre as quais já ocorreram a formação dos técnicos que atuarão nos territórios e a caracterização histórica das experiências desenvolvidas pelas famílias em suas propriedades. Esta etapa implicou no mapeamento inicial das estratégias utilizadas pelas famílias que vivem na região para a convivência concreta com eventos extremos, como é o caso das longas estiagens.

A metodologia utilizada no projeto se diferencia por priorizar a pesquisa participativa, ou seja, construir conhecimentos com base no diálogo e nas experiências implementadas nas comunidades com as famílias envolvidas com práticas de transição agroecológica. A Oficina irá discutir como se deu o processo de apropriação da pesquisa pelos agricultores experimentadores no que se refere à sensibilização dos conceitos e ferramentas metodológicas propostas. A construção coletiva da pesquisa privilegia a interação dinâmica e multidimensional na construção dos conhecimentos.

A próxima ação será aplicar um conjunto de indicadores de avaliação de sustentabilidade dos agroecossistemas, a fim de diagnosticar mensurar as estratégias mais viáveis que têm possibilitado que estes agricultores resistam e/ou se recuperem dos impactos dos eventos ambientais extremos. Dentre os atributos de avaliação de sustentabilidade a serem utilizados, estão: produtividade, autonomia, resiliência, gestão, adaptabilidade, estabilidade e equidade.

Os estudos socioeconômicos e ecológicos nas unidades agrofamiliares, realizados nos nove estados do Semiárido brasileiro permitirão, no final do projeto, a sistematização das estratégias agrícolas e sociais utilizadas pelos agricultores para a convivência com os longos períodos de estiagens.

Texto: Catarina Buriti (Assessoria de Comunicação do Insa)
Foto: Comunicação Irpaa
 


Veja também

< voltar    < principal    < outras notícias

Página:

Oficina avalia projeto em andamento com agricultores dos nove estados do Semiárido

Para:


Suas informações:



(500 caracteres no máximo) * Preenchimento obrigatório




Campanhas

Newsletters

Cadastre seu e-mail para receber notícias.

Formulário de Contato





Faça sua doação


Copyright © 2005 - 2009 IRPAA.ORG Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada - IRPAA
Avenida das Nações nº 04 - 48905-531 Juazeiro - Bahia, Brasil
Tel.: 0055-74-3611-6481 - Fax.: 0055-74-3611-5385 - E-mail: irpaa@irpaa.org - CNPJ 63.094.346/0001-16
Utilidade Pública Federal, Portaria 1531/06 - DOU 15/09/2006 Utilidade Pública Estadual, Lei nº7429/99
Utilidade Pública Municipal, Lei nº 1,383/94 Registro no CNAS nº R040/2005 - DOU 22/03/2005