IRPAA - Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada

Viver no sertão é conviver com o Clima

Formulário de Busca

Siga-nos:



Notícias

Pesquisador da Embrapa expõe estratégias de produção no Semiárido para técnicos/as do projeto Ater

Pesquisador da Embrapa expõe estratégias de produção no Semiárido para técnicos/as do projeto Ater

Os/as técnicos/as e agentes que desenvolvem o Projeto de Assessoria Técnica e Extensão Rural para a Convivência com o Semiáriodo (Ater) nos municípios do Território Sertão do São Francisco, tiveram na manhã desta sexta-feira (23) um interessente momento de formação ministrado pelo pesquisador da Área de Produção Animal e Forragem da Embrapa Semiárido, José Nilton Moreira. Estas ações de Ater estão sendo  realizadas pelo Irpaa em parceria com o Ministério de Desenvolvimento Agrário (MDA), como uma das ações do Plano Brasil Sem Miséria do Governo Federal.

O pesquisador elencou muitos experimentos desenvolvidos pela Embrapa como estratégias para incrementar a produção de alimentos tanto para o consumo humano quanto para animais nas diferentes áreas do Semiárido, e destacou a importância de se aproveitar a água da chuva e beneficiar os produtos nativos da região. José Nilton disse que as famílias que vivem nas áreas de sequeiros precisam se preocupar, não só com o armazenamento da água, mas também com a produção e o armazenamento de alimentos para a criação, principalmente depois que a região atrevessou um forte período de estiagem.
 
“A gente está vivendo um momento muito bom na pecuária com a valorização da carne de caprinos (…). E uma primeira preocupação é que os produtores não percam animais e tenham animais de boa qualidade a partir da profissionalização desses produtores na área de produção de alimentos, algo que precisa ser melhorado por esses agricultores”, disse o pesquisador. Ele lembrou ainda das espécies de plantas nativas da Caatinga ou exóticas que podem ser estocadas em fenos e silos, e utilizadas na alimentação do rebanho nos períodos de estiagem.
 
O engenheiro agrônomo, colaborador do Irpaa no município de Curaçá, Vitor Leonan, disse o quanto a exposição do pesquisador pode muito contribuir no trabalho realizado com as famílias no muncípio. Victor destaca que as ações que a Embrapa desenvolve na área de forragem vem sendo feitas também no município a partir do aproveitamento das plantas nativas ou que se adaptam à Caatinga como palma, cunhã, leucena, gliricídia dentre outras que tem muita importância para as famílias de criadores.
 
Na opinião de Victor, uma outra questão que mereceu uma devida atenção na palestra foi o trabalho que a Embrapa desenvolve com cultivo e disseminação do umbuzeiro a partir da “enxertia”, uma técnica onde outras espécieis de plantas são introduzidas em um único pé de umbu. Esta experiência pode trazer melhoramentos na produção e beneficiamento de frutas a partir de um trabalho que já existe em Curaçá e em outros municipios contemplados com o Projeto Ater.
 
Ater promove transformações no Semiárido
 
O pesquisador José Nilton afirmou que muitas populações que ao longo da história foram excluídas dos programas de desenvolvimento do Governo, agora passam a ser lembradas com as ações, como as do Projeto Ater por meio do Plano Brasil Sem Miséria. Nilton diz que essas ações implementadas por organizações como o Irpaa, a Embrapa e muitas outras, permitem a inclusão social de muitas famílias rurais do Semiárido, antes esquecidas pelas políticas governamentais.
 
Esta etapa da Formação para equipe de Ater teve início nesta quinta-feira (22) e segue até sábado (24), contando com a participação de técnicos/as de nível superior e médio que compõem a equipe do Projeto. As atividades acontecem no Centro de Formação D. José Rodrigues e esta etapa conta com a parceria da Embrapa Semiárido e da Univasf que participa através do Projeto de Extensão Sertão Agroecológico.
 
Texto e Foto: Comunicação Irpaa
 

 

 

 


Veja também

< voltar    < principal    < outras notícias

Página:

Pesquisador da Embrapa expõe estratégias de produção no Semiárido para técnicos/as do projeto Ater

Para:


Suas informações:



(500 caracteres no máximo) * Preenchimento obrigatório




Campanhas

Newsletters

Cadastre seu e-mail para receber notícias.

Formulário de Contato





Faça sua doação


Copyright © 2005 - 2009 IRPAA.ORG Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada - IRPAA
Avenida das Nações nº 04 - 48905-531 Juazeiro - Bahia, Brasil
Tel.: 0055-74-3611-6481 - Fax.: 0055-74-3611-5385 - E-mail: irpaa@irpaa.org - CNPJ 63.094.346/0001-16
Utilidade Pública Federal, Portaria 1531/06 - DOU 15/09/2006 Utilidade Pública Estadual, Lei nº7429/99
Utilidade Pública Municipal, Lei nº 1,383/94 Registro no CNAS nº R040/2005 - DOU 22/03/2005